• Nous Kardia Consultoria

5 benefícios para os Municípios com a realização da Conferência Municipal de Assistência Social.



A Conferência de Assistência Social é um importante instrumento de transformação social. As Municipais Iniciaram em 3 de Maio e vão até 31 de Agosto. Já as Conferências Estaduais e do Distrito Federal deverão ser realizadas de 1 de Setembro a 31 de Outubro.

Para você entender um pouco mais sobre a importância do evento, separamos 5 benefícios que as Conferências Municipais de Assistência Social trazem para o Municípios. Confira:


  1. O primeiro grande benefício na realização da Conferência Municipal de Assistência Social em sua cidade, sem dúvida alguma será a consolidação do planejamento das Políticas Públicas de Assistência Social em seu município. E para que este planejamento seja de fato implementado e executado de maneira a favorecer toda a comunidade usuária do Serviço Único de Assistência Social (SUAS), é primordial um diagnóstico sobre a realidade de vida e as demandas de serviços socioassistenciais mais importantes em cada cidade. Este diagnóstico só poderá ser de fato elaborado, com uma ampla participação social dos usuários do SUAS, de seus técnicos, dos gestores municipais, e de todas as principais entidades socioassistenciais de sua cidade, pois são estes atores que conhecem a realidade e os maiores desafios a serem enfrentados na consolidação da diminuição das desigualdades sociais em cada município brasileiro.


  1. O segundo benefício é a ativação da rede socioassistencial dos municípios. Uma rede ativa, comprometida, articulada e participativa é capaz de produzir uma série de mecanismos institucionais que subsidiam a formulação, o monitoramento e a avaliação das ações públicas socioassistenciais das cidades. A Conferência Municipal de Assistência Social é um momento ímpar para a união de todos esses atores estimulando, a partir dos debates de cada eixo temático, ações inovadoras e estratégias locais para a redução das desigualdades sociais.


  1. Mais um importante benefício na realização da Conferência Municipal de Assistência Social em sua cidade, sem dúvida alguma, é o aperfeiçoamento da gestão de políticas socioassistenciais. Sabemos que por sua configuração, a gestão do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) opera através um modelo descentralizado, ou seja, a gestão do SUAS é uma gestão que compartilha compromissos e corresponsabilidades entre todos os entes federados. Esta gestão compartilhada, muita das vezes, enfrenta grandes dificuldades no cumprimento de suas responsabilidades pois, mesmo com inúmeros avanços na legislação sobre assistência social no Brasil, o descumprimento das responsabilidades de cada ente, não são efetivamente coibidos. Nesse sentido, é preciso avançar em estratégias legislativas que garantam a efetivação dos direitos socioassistenciais fundamentadas sob o paradigma de gestão compartilhada. Estas estratégias poderão ser formuladas e apresentadas em todas as etapas das Conferências de Assistência Social de 2021.


  1. O quarto benefício em realizar a Conferência Municipal de Assistência Social em sua cidade se relaciona com o um momento de emergência pelo qual todas as cidades do Brasil vêm enfrentando, a pandemia do novo coronavírus. Momento de emergência como este sugerem ações contextualizadas para cada município brasileiro. Uma ação bem-sucedida em uma cidade pode não ser tão efetivamente realizável em outra. Por isso este momento conferencial no município é tão importante pois através dele será possível pensar em ações de acolhimento e vigilância socioassistencial levando em consideração a realidade local em relação à organização do orçamento e financiamento das políticas socioassistenciais de cada cidade.


  1. Por fim, o quinto benefício da realização da Conferência Municipal de Assistência Social é o fato de que através dela, será possível eleger os representantes de sua cidade para participarem da Conferência Estadual de Assistência Social de seu estado, levando todas as propostas apresentadas debatidas e aprovadas em sua cidade para a avaliação discussão com outros representantes dos municípios participantes. Esta estrutura de debate tripartite, com delegados municipais, estaduais e nacionais, consolida o controle e a participação social tão necessários no desenho das políticas públicas, através de discussões diversas, regionalizadas e democráticas.


Por isso a Nous Kardia, comprometida com a importância da participação social de todos os cidadãos nas ações governamentais e socioassistenciais, se junta às centenas de gestores usuários e técnicos de todo o Brasil para auxiliar na estruturação do processo conferencial online, garantindo participação, ações e estratégias inovadoras no desenho das políticas públicas de assistência social. Entre em contato conosco para realizar a Conferência em seu município.


Quer saber como podemos te auxiliar na realização da Conferência De Assistência Social? Entre em contato conosco agora mesmo.